Novidades (Blog)

Já pensou em se certificar no Project? Então conheça a história do Emel Rapchan

 
Imagem de Filipe de Castro Ferreira
Já pensou em se certificar no Project? Então conheça a história do Emel Rapchan
por Filipe de Castro Ferreira - Monday, 20 Nov 2017, 18:35
 
Emel Rapchan

No post de hoje vamos entrevistar Emel Rapchan. Emel é engenheiro civil, gerente de projetos e atua no mercado de projetos de engenharia há mais de 15 anos. Recentemente, Emel fez o curso “Gerenciando Projetos com o Microsoft Project” da ingty, tirou a certificação da Microsoft “74-343 – Project Professional” e recebeu o título MCP (Microsoft Certified Professional). Vamos entender sua trajetória para alcançar seu objetivo com sucesso.



Filipe – Emel, primeiramente parabéns pela certificação e muito obrigado por ceder seu tempo para esta entrevista.
Emel – Eu que agradeço, Filipe. Reservar este momento seria o mínimo depois do apoio que recebi de vocês da ingty.

Filipe – Você já conhecia o MS Project? Como você poderia descrever sua proficiência no software antes do curso? Após fazer o curso, mudou sua visão?
Emel – Sim, já utilizo o Project há mais de 10 anos. Mas assim como a maioria dos usuários de Project, meu conhecimento era autodidata, pois nunca havia feito um treinamento formal. Essa é uma pergunta interessante, pois quando você utiliza o Project no modo “tentativa e erro” é comum sua utilização fora das boas práticas. Após fazer o curso, vejo claramente que grande parte dos profissionais não sabem utilizar o MS Project corretamente.

Filipe – Como um curso de MS Project faz diferença em sua realidade profissional? Você acha que é um curso importante? Após fazer o curso, mudou sua visão?
Emel – Sempre trabalhei com projetos de engenharia. Neste momento que vivemos de “fazer mais com menos”, planejar e executar projetos corretamente é imperativo. Não consigo ver uma empresa que trabalhe com projetos sem que seus gerentes de projeto façam um treinamento como este.  

Filipe – Apesar de ter uma ampla experiência em projetos, foi possível ter insights e ter acesso à informações no conteúdo do curso que agregaram ao seu conhecimento prévio?
Emel – Confesso que me surpreendi com a quantidade de dicas e boas práticas apresentadas no curso. Não apenas um curso tradicional com uma quantidade de funções técnicas, mas troca de experiência real e prática do meu dia a dia. Valeu muito a pena!

Filipe – Ao fazer a prova de certificação oficial, sentiu que o curso te deu base para a aprovação? Qual o diferencial do curso da ingty?
Emel – Não tenho a menor dúvida que não passaria na prova oficial sem fazer o curso da ingty. Além do conteúdo do curso, o simulado foi chave para meu sucesso. Além da qualidade indiscutível do conteúdo, eu diria que o apoio do tutor é um diferencial único de mercado. Cursos tradicionais, mesmo à distância, muitas vezes restringe-se a apresentar o conteúdo e o aluno precisa se virar para aprender. Isso não acontece nos cursos da ingty – a participação do tutor é um agregador único de mercado.

Filipe – Qual foi o seu esforço para fazer o curso? Investiu quanto tempo para estudo? Quantas vezes você fez o simulado?
Emel – Faço o controle de toda a atividade que executamos em nossos projetos, e para este treinamento não foi diferente. Somando estudo, exercícios e simulados, gastei cerca de 35 horas. Eu fiz o simulado 3 vezes para garantir que tinha entendido a dinâmica da prova.

Filipe – Sim o esforço foi grande, mas acredito que recompensador com sua certificação, apesar de você já ter uma grande bagagem profissional no tema “projetos”. Vivemos numa sociedade em que as pessoas querem aprender sem muito esforço – talvez pela falta de tempo ou apenas pela velocidade em que vivem. Há cursos de Project no mercado que oferecem treinamento completo em 16 horas. Você acredita que isso é viável? É possível ter um conhecimento completo do software – e se certificar, com pouco esforço de estudo?
Emel – Na minha opinião, é impossível que alguém possa dizer que conhece bem o MS Project em um curso de 2 ou 3 dias. Muito menos tirar a certificação da Microsoft! Eu recomendo que uma pessoa que esteja buscando um conhecimento mais profundo neste software pesquise por treinamentos mais amplos, com credibilidade, e que a metodologia seja adequada à sua preferência.

Filipe – Falando em metodologia, o curso que você fez é “a distância”. Como você avalia a qualidade? Acha que perdeu alguma coisa por não ter sido presencial?
Emel – Não perdi absolutamente nada! Evidente que há vantagens e desvantagens em ambos os estilos [presencial e a distância]. Entretanto, vejo que há mais vantagens no curso a distância do que presencial. Por exemplo: 1) tive a oportunidade de gerenciar meu tempo de estudo – é muito difícil reservar um dia e hora exclusivo para estudo, devido aos projetos que acompanho. 2) não tive que me deslocar para uma escola – aqui em BH isso pode ser um problema sério por conta do trânsito. 3) o preço foi extremamente mais barato do que se comparado a alguns cursos tradicionais de mercado. Enfim, poderia listar outros, mas sinto que este é o melhor modelo para meu estilo de vida.

Filipe – Finalmente, você recomenda os cursos da ingty? Porquê?
Emel – Sem nenhuma sombra de dúvida recomendo! Juntando a qualidade do material de ensino, os exercícios práticos, a tutoria e feedback constante, o simulado e o preço final pago, não tenho dúvida que os cursos da ingty são uma referência de excelência no mercado.

Fiipe – Emel, muito obrigado por sua gentileza! Espero que o conhecimento agregado te traga mais sucesso ainda em sua vida profissional.

Sobre o Emel Rapchan - Engenheiro Civil com mais de 14 anos de experiência em projetos industriais e tendo participado de projetos em áreas de petróleo e gás, produção de papel, indústria química pesada, metalurgia, minas, metal mecânica, dutos flexíveis, engenharia offshore e construção naval. Ao longo deste tempo tem atuado com gerenciamento de projetos no contexto da engenharia aplicada ao projeto industrial em diversas escalas e áreas. Gerente de projetos certificado Microsoft Professional (MCP) em Microsoft Project e Gerenciamento de Projetos e Portfólios com Microsoft PPM.

--

A ingty é uma startup focada Soluções e Cursos Online na solução Microsoft Project, contando com qualidade superior, serviço agregado e baixo custo. Acesse agora https://ingty.com

Filipe de Castro Ferreira, PMP, MBA, MCTS, ITIL, COBIT

Pós-graduado em Gestão de Projetos; Gerente de Projetos PMP há mais de 10 anos; Especialista certificado MCP; Ampla experiência implantando Project Server em empresas de diferentes tamanhos e setores, incluindo mega projeto de "parada e manutenção em refinaria”; Trabalhou como Consultor Sênior na Microsoft Brasil, Petrobras e CA Technologies, onde também foi responsável pelos parceiros na América Latina; Ampla experiência como autor e tutor para cursos de pós gradução a distância; Sócio-diretor da ingty.

Curso Microsoft Project, EPM, PPM, Project Server, Project Online